Assine

Beirute de carne Dieta Já!

publicado em 19 de de fevereiro 2016 por Evelyn Cristine | comentar

Por Fernanda Lima | Foto Reprodução / Revista Dieta Já! Ed. 250 | Adaptação Web Evelyn Cristine

Sabe quando você tem certeza que o prato é típico de um país, mas acaba percebendo que não passa de uma verdadeira lenda? Isso se encaixa perfeitamente com essa receita. Embora a maioria das pessoas acredite que o Beirute foi trazido para o Brasil pelos árabes, na verdade, a iguaria foi criada aqui, em terras paulistanas. A história começa na década de 50, com dois irmãos libaneses, que haviam inaugurado uma lanchonete no bairro do Paraíso, região central de São Paulo.

Um dia, na falta de outro tipo de pão, os dois serviram o sanduíche em pão sírio, com o acréscimo de uma dose de záhtar, uma especiaria árabe. Os clientes, claro, aprovaram o prato e o lanche foi batizado em homenagem à capital libanesa, Beirute. Em 1956, outro restaurante paulistano começou a adicionar ingredientes no lanche, como rosbife, queijo, ovo frito, alface, tomate, atum, entre outros. Hoje, a receita tem influência de outros sanduíches, como o paulistano bauru, que leva queijo e pepino em conserva. Em alguns restaurantes, o Beirute também pode ser servido frio e com um recheio típico das arábias, como quibe cru, cebola picada, folhas de hortelã e coalhada seca.

Ficou com água na boca? Calma: a gente te ajuda! Embora a receita seja supercalórica, conseguimos deixá-la light. Antes, a iguaria tinha mais de 1.200 kcal por porção (lembrando que o cardápio diário da maioria das pessoas é de 2 mil a 2.500 kcal). Com a ajuda da Alyne Santim, nutricionista da Clínica Liliane Oppermann (SP), reduzimos a receita para 375 kcal. Confira!

Beirute de carne Dieta Já!

Beirute de carne Dieta Já!

Beirute de carne Dieta Já!

Leia mais:
Bife à parmegiana funcional Dieta Já!
Receita de Virado à paulista Dieta Já!
Bolo Sensação Dieta Já!
Quindim fit Dieta Já! 

Rendimento: 2 porções
Tempo de preparo: 4h30

Ingredientes:

– 80 g de contrafilé sem gordura
– 2 dentes de alho amassados
– 1 cebola média picada
– Suco de 1 limão
– 1 col. (chá) de azeite de oliva
– Sal rosa e pimenta-do-reino a gosto
– 1 col. (sopa) de creme de ricota
– 1 fatia de peito de peru
– 1 ovo pochê (feito na água)
– ½ tomate cortado em rodelas finas
– 1 fatia de wrap light
– 2 folhas de alface

Modo de preparo:

1 Em uma vasilha de tamanho médio, tempere a carne com o alho, a cebola, o limão, o azeite, o sal, a pimenta e leve à geladeira para marinar por cerca de 4 horas ou mais.
2.Após o tempo indicado, retire a mistura da geladeira. Em outra panela, de preferência, funda e antiaderente, grelhe a carne, virando para dourar dos dois lados.
3. Deixe esfriar e corte em seis fatias bem finas.
4 Em uma frigideira, coloque a carne, o creme de ricota, o peito de peru, o tomate e grelhe.
5. No wrap, coloque a carne, o ovo, o creme de ricota, o peito de peru, o tomate, as folhas de alface e feche o pão. Sirva ainda quente e com uma bebida de sua preferência.

Revista Dieta Já! Ed. 250

Assine a revista e ganhe 6 meses grátis de outro título.

comente!